Corpo foi retirado da terra por colegas. Vítima trabalhava como maraqueiro e foi atingida por um barranco que desmoronou.

Um garimpeiro de 45 anos morreu em Aripuanã depois de ser soterrado no Garimpo, localizado a 15km da sede do município. O acidente aconteceu na manhã de quinta-feira (20), por volta das 08 horas.

Conforme a Polícia Judiciária Civil, que esteve no local, três pessoas trabalhavam no garimpo, dentro do buraco, quando resolveram para um pouco para tomar café a pedido da vítima.

Ainda conforme os policiais, dois dos trabalhadores conseguiram se afastar, mas o garimpeiro Jair José dos Santos, morador de Nova Canaã do Norte/MT acabou soterrado. Os trabalhadores começaram a escavar a terra e localizaram o homem já sem vida.

Depois de retirar o corpo da terra, de uma profundidade de aproximadamente 08 metros, colocaram no barraco de lona. Por causa da dificuldade de comunicação no garimpo, a polícia só foi informada horas depois do ocorrido.

De acordo com a polícia, o sr. Jair estava com lesões na cabeça e corpo, aparentando serem provenientes de esmagadura. O homem então foi levado ao Hospital Municipal, onde foi feito exames mais detalhados.

Posteriormente removido para a Associação Ministério da Esperança de Aripuanã (AMEA) e liberado aos familiares. A polícia informou que vítima trabalhava como maraqueiro na extração de minério.   

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here