A Perfect Flight é uma startup especializada no monitoramento aéreo de defensivos agrícolas, assim, oferece um sistema que permite visualizar com precisão, por meio de mapas, os locais onde a aplicação deve ser feita, a quantidade necessária de produto e quais são as aéreas restritas, que devem ser preservadas. Para complementar os benefícios da ferramenta ao produtor, a partir deste ano, a startup também oferece a solução de Geomapeamento aéreo, um serviço prestado em conjunto com a empresa Voavant, que é uma agente autorizada de Serviço Hórus Aeronaves, uma das startups Agtech mais premiadas do País.

Essa ferramenta gera informações de grande importância para o monitoramento da cultura, uma vez que o mapeamento é realizado por drones integrados com inteligência artificial que captam imagens e geram análises precisas. Com esse reforço de tecnologia, a Perfect Flight e a Voavant disponibilizam uma solução completa para o campo, permitindo ao produtor reduzir gastos, por exemplo, ao evitar o excesso de defensivos, por causa da sobreposição. Por outro lado, incentiva a lucratividade com o apontamento de locais onde há possibilidade de novo plantio, visando o aumento da produtividade por hectare plantado.

A redução de custos e o fomento da produtividade fazem parte das práticas de ambas as empresas. No caso da Voavant, o produto do mapeamento aéreo com drones permite estimar a produtividade da cultura, identificar linhas e falhas no plantio, pragas e doenças, deficiência nutricional e crescimento vegetativo. Gerando mapas de aplicação em taxa variável (shapefile) para integração com o maquinário agrícola, o que permite uma aplicação otimizada de insumos, dentre outras análises voltadas ao agronegócio. “Nossa missão é proporcionar resultados eficazes e visíveis ao agricultor. Agregar nossos serviços ao monitoramento da pulverização aérea realizado pela Perfect Flight gera resultados ainda melhores para o produtor rural”, explica Ricardo Magoga, Diretor Comercial da Voavant.

A ideia é integrar tecnologias que tragam ainda mais agilidade nas propriedades rurais, possibilitando a obtenção de análises como a identificação de falhas de plantio, detecção de deficiência nutricional, além do monitoramento da safra e da aplicação aérea. “Esse incremento tecnológico garante ao produtor menos desperdício e mais eficiência, tanto na aplicação de defensivos quanto nos resultados da própria safra. O ideal é buscar um monitoramento completo, para chegar ao controle de qualidade da produção”, afirma Leonardo Luvezutti, gestor de operações da Perfect Flight.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here