Policiais militares do Batalhão Ambiental apreenderam nesta quinta-feira (22) cerca de 1,2 mil quilos de pescado irregular em uma comunidade rural de Santo Antônio do Leverger, a 35 km de Cuiabá.

Os criminosos montaram uma estrutura em uma casa para esconder o material, que incluía filés de pintado e de cachara.

Conforme Júlio Reinners, fiscal ambiental, são os receptadores que fazem desses locais esconderijos.

“O pescado vai em seguida para Cuiabá, para restaurantes que ainda compram esse tipo de pescado”, alertou.

O pescado foi encontrado na comunidade rural de Pantanalzinho, em Santo Antônio do Leverger.

Desde que o período da Piracema começou, em 1º de outubro deste ano, já foram apreendidos em Mato Grosso aproximadamente 3 toneladas de pescado ilegal. A Piracema termina apenas em janeiro de 2019.

O coordenador de Fiscalização do Batalhão Ambiental, Paulo César Gomes, diz que após a apreensão, o pescado irregular é encaminhado para instituições de caridade.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here