A Polícia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (14), a Operação Madeira Nativa, para cumprir oito mandados de busca e apreensão em empresas madeireiras e nas residências dos principais investigados em Feliz Natal (a 514 km de Cuiabá).

A PF, juntamente com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), investiga uma organização criminosa responsável pela contínua extração ilegal de madeiras no Projeto de Assentamento ENA.

  

De acordo com a investigação, a organização extrai grandes quantidades de madeiras da área de reserva legal do Projeto de Assentamento ENA e confere aparência de legalidade a essas madeiras mediante fraude no Sistema de Gestão Florestal do Estado do Mato Grosso (Sisflora-MT).

 

Policia Federal

PF cumpre mandados de busca e apreensão em madeireiras

Além disso, foi apurado que a organização criminosa é dividida em núcleos: exploração e transporte da madeira; esquentamento do material; e vigilância e segurança armada das operações criminosas.

As condutas caracterizam os crimes de furto, receptação, falsidade ideológica e organização criminosa, além de crimes ambientais diversos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here